quarta-feira, março 22, 2017

La treta

Portugal é de facto o país da treta e parecer. Ora neste país o conteúdo vale zero, o que interessa é a forma.

Políticos corruptos, ladrões e mentirosos... ah! isso só com trânsito em julgado (quase impossivel), agora um ministro a fazer corninhos é intolerável. Ou mesmo uma piada de mau gosto com ligas metálicas. Agora políticas desastrosas... isso não conta para nada.

Um tal de Dijsselbloem tem uma frase que pode ser considerada infeliz, especialmente no contexto do politicamente correcto, numa metáfora que tem muito de verdade! joguem o homem na fogueira!

Aliás cada vez mais me convenço que se houvesse fogueiras hoje...

sexta-feira, fevereiro 10, 2017

O país das maravilhas

Um ministro, Centeno que tudo aponta mentiu. O ministério negociou uma lei à medida. Um secretário de Estado viaja a expensas de uma empresa com que o ministério tem um megadiferendo.

Sinceramente há que estar em Portugal para perceber como estas pessoas ainda se mantêm nos cargos!

Sem decência para se demitir, há que se correr com toda a estrutura política do ministério das finanças... Mas isso seria num país normal!

terça-feira, dezembro 06, 2016

Os melhores resultados de sempre na educação (ou a história do cúmulo da ironia)




Tirando a óbvia tentativa de "spin" mal amanhada, esta notícia não deixa de ser mesmo a mais irónica que me recordo!

O ministro que insultou como pôde o anterior, que faz da sua política a pura reversão da anterior, que inventou um esquema de avaliação para não dizer pior "sui generis", vê-se obrigado a comentar os melhores resultados de sempre da educação portuguesa conseguidos durante o consulado de Nuno Crato.

Chapada com Luva mais branca que esta é difícil!

quarta-feira, novembro 09, 2016

Trump vence!!!

Curioso que a democracia para muitos só é engraçada quando ganha quem se gosta... que respeito!!!

segunda-feira, setembro 26, 2016

A longevidade do Socialismo

Diria que após mais de um século já se teria percebido que o socialismo é uma solução largamente falhada como sistema económico. Ainda assim parece estar por aí forte e pujante na cabeça de muitos. Na boca de uma cidadã venezuelana encontrei o que poderá ser uma explicação para o facto.

Os socialistas são tipo o Jorge Jesus. Quando ganha é ele o grande timoneiro, quando perde a culpa é de todos menos dele. ´

Com o socialismo é semelhante, enquanto há uns cobres para "comprar" simpatia são os maiores, quando a pobreza se instala (como invariavelmente aconteceu) já não é socialismo... é outra coisa qualquer que se instalou (por artes mágicas diria eu).

domingo, setembro 18, 2016

País Curioso

País curioso este... detesta quem cria emprego e riqueza! Reverencia quem nunca criou um chavo!